DF debate biodiversidade em evento gratuito

Começou hoje, segunda-feira, 5 de julho, a primeira edição do Fórum Biodiversidade das Américas, em Brasília que pretende debater como é possível aumentar a consciência da população a respeito dos assuntos relacionados à fauna e flora, sobretudo em 2010, que foi considerado pela ONU o Ano Internacional da Biodiversidade.

Com a presença de uma série de entidades internacionais especializadas, o primeiro dia de evento discutirá como os Jardins Botânicos podem ajudar a estreitar a relação dos cidadãos latino-americanos com a natureza. Para isso, a diretora da ONG Botanic Garden Conservation International, Suzanne Sharrock, ministrará, às 16h, a palestra “O Ano Internacional da Biodiversidade e a nova agenda dos Jardins Botânicos”, em que propõe atividades ambientais para esses locais.

Após a palestra, haverá o lançamento do livro “Plano Diretor do Jardim Botânico de Brasília” e, ainda, a abertura da exposição “34 Jardins Botânicos Brasileiros e a Biodiversidade das Américas”.

O evento acontecerá até o dia 9 de julho e sua principal atração é o Seminário da Biodiversidade do Mercosul, que será amanhã, 6 de julho, no Senado Federal e promoverá duas discussões importantíssimas entre políticos do Brasil, Argentina e Uruguai: – “O papel do Parlamento do Mercosul na conservação da biodiversidade” e – “Legislação e Biodiversidade: Conservação, uso sustentável e repartição de benefícios”.

As conclusões do Fórum serão publicadas em um guia de sustentabilidade, que será editado em três idiomas e enviado para aldeias, povoados e municípios da América Latina. O evento é gratuito e os interessados em participar podem se cadastrar no próprio local do Fórum.

Veja aqui a programação completa.

*Blog do Fórum de Biodiversidade das Américas

Anúncios

Uma opinião sobre “DF debate biodiversidade em evento gratuito”

  1. Senhores,
    Desculpem a minha invasão.
    Sou leita em botânica, porém desejo muito saber sobre a árvore Salix Nigra Erect. Ela é muito utilizada no paisagismo, em Brasília. São plantadas bem próximas aos prédios, numa distânci de no máximo um metro emeio dos edifícios.
    Quero saber se araiz desta árvore não interfere na estrutura de engenharia civil dos prédios.
    Isto porque desejo plantar no meu predio de 3 andares.
    Esta árvore estreita e muito alta. Será que a raíz é puntiforme??? Como é sua raiz???
    Desejo podá-la quando atingir a altura do 3º andar, para que as folhas não caiam no telhado e entupam o cano de vazão de água.
    Ficarei muito agredecida em receber alguma informação.
    Maria de Lourdes – Brasília

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s