Arquivo da tag: slu

Lixão da Estrutural – Brasília

O Correio Braziliense de hoje também publicou uma matéria sobre o lixão da Estrutural, local mais que condenado por quem atua na defesa do meio ambiente. São vários os motivos: descarte errado, insalubridade, degradações ambientais, risco de vida para os catadores, entre outros vários erros. Veja na matéria o drama diário que os catadores vivem ali naquele local. O fechamento, acreditamos e esperamos, está próximo. Essa é uma novela que está em cartaz há muitos anos. Muitas mortes já ocorreram no local. O novo aterro ainda não está pronto. Mas enquanto a desativação não acontece, o que o governo faz para minimizar os impactos sociais e ambientais?

lixao-comunidade

Equipe Verde Capital

Correio Braziliense >> 28/04/2014

As vítimas do lixão
Mortes e mutilações são frequentes no depósito de resíduos da Estrutural, onde catadores se arriscam diariamente ao recolher material reciclável. Quem sobrevive aos acidentes reclama da falta de amparo e de assistência por parte do governo

» THALITA LINS
Publicação: 28/04/2014

lixao-CB

Logo que um caminhão de coleta despeja resíduos no Lixão da Estrutural, um aglomerado de pessoas se forma atrás do veículo. Assim que o material vindo de todo o Distrito Federal é largado no chão, mulheres, homens e crianças travam uma briga para recolher garrafas plásticas, latas de alumínio, sucatas e até comida. A cena se repete ao longo do dia na área, aberta 24 horas aos catadores. Além das condições precárias de trabalho, eles assistem a tragédias ou as protagonizam .

Continuar lendo Lixão da Estrutural – Brasília

Anúncios

II Feira de Tecnologias Limpas e Atitudes Verdes

De 3 a 5 de junho, evento reúne atrações culturais e informação ambiental
 
O lançamento da obra Acervo da Memória Ambiental: Catálogo de Publicações, elaborado pelo Núcleo de Acervo Técnico da Biblioteca do Cerrado, é um dos destaques da II Feira de Tecnologias Limpas e Atitudes Verdes que acontece de 3 a 5 de junho, no Parque da Cidade em comemoração à Semana do Meio Ambiente.
 
Com 72 páginas, o Catálogo reúne referências bibliográficas de publicações do Instituto Brasília Ambiental (IBRAM) e dos antigos órgãos de meio ambiente do DF, além de documentos que forneçam informações sobre o Distrito Federal nas áreas de meio ambiente e recursos hídricos. Relatórios técnicos, projetos de educação ambiental, livros, fascículos de periódicos e dissertações de mestrado são algumas das publicações que constam no Catálogo.
 
Lançado em 2008, o projeto Acervo da Memória Ambiental (AMA) tem como objetivo identificar, organizar e recuperar a produção técnico-cientifica dos órgãos de meio ambiente do DF, contribuindo assim para a reconstrução do acervo histórico ambiental e incentivando a produção intelectual no IBRAM. O lançamento do Catálogo – que terá tiragem inicial de mil exemplares – é apenas uma das ações previstas pelo AMA, que visa ainda a coleta de materiais fotográficos e audiovisuais, por exemplo.
 
Dividida em três espaços – institucional, lúdico e de tecnologias limpas e atitudes verdes -, a Feira contará também com atividades teatrais, musicais, de dança e competições recreativas. Com texto de Graciliano Ramos e coordenação da Diretoria de Educação Ambiental e Difusão de Tecnologias do IBRAM, o teatro de bonecos “A Terra dos Meninos Pelados” fará sua primeira apresentação durante o evento. O objetivo é levar o projeto para 40 escolas do DF até o final do ano.
 
Promovida pelo IBRAM, a II Feira de Tecnologias e Atitudes Verdes conta com o apoio da Agência Reguladora de Águas e Saneamento do Distrito Federal (Adasa), Companhia de Saneamento Básico do DF (Caesb), Fundação Jardim Zoológico de Brasília, Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater – DF), Serviço de Limpeza Urbana (SLU) e Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Seduma).
 
Iniciativas
 
Com 31 expositores, o Espaço das Tecnologias Limpas e Atitudes Verdes estará aberto das 9 às 17 horas, e apresentará iniciativas de diversas instituições na área ambiental. Universidade de Brasília, Secretaria de Cultura do DF e Centro de Medicina Alternativa do Hospital de Planaltina são alguns dos participantes que irão mostrar ações nas áreas de saúde, cultura, alimentação saudável, turismo verde, artesanato e educação. O GreenPeace, com uma exposição de bicicletas geradoras de energia elétrica, e a Pastoral da Criança também estão entre os expositores da Feira.
Veja a programação aqui.
Fonte: Ibram